Bebês guardam lembranças mesmo quando parecem esquecer, diz estudo

msn ESTADAO:

Um estudo publicado na mais recente edição da revista Psychological Science afirma que os bebês de até 6 meses de idade podem conservar a noção de algo que viram, mesmo quando está fora de alcance. Essa descoberta derruba o antigo mito de que os bebês não teriam aguçado o sentido de ‘permanência do objeto’ – termo da Psicologia usado para descrever a crença da criança de que um objeto existe, ainda que esteja longe.

Conduzido por um psicólogo especialista em desenvolvimento infantil da Universidade Johns Hopkins, em Baltimore, nos Estados Unidos, a pesquisa abre novos caminhos sobre a temática da memória infantil. ‘O estudo questiona quais informações o bebê precisa lembrar sobre um objeto, a fim de saber que ele ainda existe, uma vez que está fora de seu ponto de vista?’, questiona Melissa Kibbe, uma das pesquisadoras envolvidas no projeto.

Read the whole story: msn ESTADAO

Leave a comment below and continue the conversation.

Comments

Leave a comment.

Comments go live after a short delay. Thank you for contributing.

(required)

(required)